Meu Melhor Aniversário

  Fala Nação RN,

  Já adianto pra todo mundo, que esse texto será cheio de sentimentos, declarações de amor, e para alguns, cheio de viadagem! Alerto-o, se não gosta de texto meloso, clica no X e me manda pra casa do caralho!
Avisa dado, vamos ao texto…

  Bem, hoje, é um dia muito especial para mim! 27 de maio, meu aniversário, completo 17 anos! Mas, há outro fato que me faz comemorar este dia duas vezes mais: o lendário gol do Pet.
Pra mim, o gol mais fodão que já vi na minha vida! E o autor, pra mim, o maior ídolo rubro-negro que vi jogar. Traduzindo: GOL PERFEITO. Depois de ler vários textos sobre o gol, sobre 27 de maio de 2001, não precisei forçar muito minha memória, pra reviver aquele momento mais especial da minha vida como flamenguista.

  Eram 17:00, 17:30 por aí, e o Fla vencia por 2×1. Todo mundo na mesa, família reunida para minha festinha de 7 anos, e eu e meu pai, vidrados na Tv, até que meu velho falou que não ia continuar assistindo o jogo, e que ia para o quintal da minha casa, pois não guentava nem ver nem ouvir o jogo. E eu, com 7 anos firme e forte, sentado no sofá que hoje nem sei mais onde está, continuei na luta, como se estivesse participando da batalha que ocorria à mais de 1500km de onde eu estava, num lugar em que sonho visitar até hoje!
  Minha mãe, apressada que só ela, me chamando pra ir cantar os parabéns, e eu, já teimoso pra caralho, me recusava ir até que acabasse o jogo.
  Mengão ganhando por 2×1, mas só isso não bastava! Tinha que sair mais um. Chegou nos 40 minutos do segundo tempo, cedi e fui pro centro da mesa, passar aquele vergonha danada de ver todo mundo bater palma e cantando pra ti.
  Olhei pra Tv, e vi o Eller derrubar o Edílson. No meio dos parabéns, saí da mesa, e corri pro sofá! Mas antes disso, minha mãe perguntou pra mim: “O que você quer de presente?” E eu, inocente, com 7 aninhos, respondi: “Que a senhora entre no campo e marque um gol para o Flamengo!” Ela riu, e todo mundo na mesa também.
  Aí, Zagallo coçando a cabeça, Alessandro vidrado, Pet na bola… GOL! GOL! GOL! GOL! GOL!
Não resisti, chorei! Gritei meu pai, ele veio e comemoramos juntos! Depois do jogo, ENFIM, fui todo satisfeitão pra mesa, e terminaram de cantar os parabéns pra mim! Minha mãe falou: “Peça o que quiser, quando for apagar as velhinhas!” E eu: “Não mãe, o que eu queria já aconteceu! Não foi você quem fez, como eu tinha pedido, mas meu novo ídolo fez por você! Quero nada não!”

 E assim foi, esse foi o melhor aniversário que tive na minha vida. Não pela família reunida, não pelo meu primeiro video-game, não pelo fato de completar 7 aninhos e já me sentir um homenzinho, e sim pelo Flamengo, pelo time que escolhi e fui escolhido pra torcer, e sim pelo Pet, que a partir daqueles 43 do segundo tempo, se tornou uma pessoa inesquecível pra mim, e pro meu Flamengo!

  Obrigado Pet, se meu sentimento de ser Flamenguista hoje é Anormalmente grande, deve-se muito a você! OBRIGADO, ÍDOLO SUPREMO!

  Abs,
  @NyltynhoCrf

Anúncios

About @VMoizinho

By definition: Geek, arrogant, pretentious, selfish, annoying, non-social, tease, and in the opinion of many, gone... ...Apart from very humble, of course. 8-)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: